Quem anuncia vende mais!!!

Quem anuncia vende mais!!!
Quem anuncia vende mais!!!: entre em contado pelo E-mail : Blogagrestemix@gmail.com

domingo, 26 de fevereiro de 2017

“Ex-adventista agora freira: diz que seminário “Descobrindo a verdade” tem como objetivo realizar lavagem cerebral, mas se apaixonou pelo Santíssimo na Igreja Católica”

Ex-adventista agora freira: "Odiava a Igreja, mas me apaixonei pelo Santíssimo"

 Mireily Rodríguez Vargas é uma jovem porto-riquenha que mudou seu nome por irmã Maria Faustina quando professou seus votos como dominicana no convento de Nossa Senhora do Rosário de Fátima no Texas (EEUU). Mas sua vocação chegou depois de uma conversão dura, depois de haver estado sob a influência dos ensinamentos dos adventistas. Quando descobriu a verdade sobre a Igreja Católica se lhe abriu um mundo que a fascinou a tal ponto que decidiu entregar sua vida por completo.

Foi criada em uma família católica, mas não demasiado praticante e eram seus companheiros de colégio que lhe diziam que a Virgem Maria havia tido mais filhos, até chegar a convencer-se disso. Aos 16 anos depois de um duro acontecimento familiar apareceram em sua vida os adventistas. “Por insistência de um familiar, comecei a ir a encontros com eles. A princípio consistia em contestar as perguntas de uns folhetos, logo o pastor veio a dar-nos o ensino pessoalmente, creio que era uma vez por semana”, recorda.

O ódio à Igreja e ao Papa
Depois disto, foi enviada a um seminário denominado “Descobrindo a verdade” e que tinha como objetivo realizar nela uma lavagem cerebral. Conta a irmã Maria Faustina que “tratava de como a Igreja Católica era a ‘grande meretriz do Apocalipse’ e o Santo Padre, ‘a besta do profeta Daniel”.
Uma vez que concluiu este seminário tocava ser “batizada” como adventista.A jovem estava muito confusa mas “não pensava assim sobre a Igreja Católica”. Finalmente, uma amiga sua decidiu não batizar-se pelo que ela tomou a mesma decisão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário