Doriel Barros

Doriel Barros
Saloá

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Saloá agora vai ter acampamento de sem tetos

Os moradores das casas da cohab em Saloá, casas essas que foram invadidas no dia 16 de novembro de 2012, receberam ordem policial do 9ºBPM de Garanhuns, informando que os moradores tem até o dia 05 de julho para desocuparem as casas que foram frutos de invasão.

A grande verdade nesta história toda, é que as casas ainda não estão totalmente prontas, e muitas daquelas pessoas não tem onde morar, outros sobrevivem apenas do cartão do bolsa família ou de bicos que fazem quando arrumam. Diante da ordem policial, por incrível que pareça, algumas pessoas estão se organizando para morar em barracos, isso mesmo morar em barracos.

Algumas pessoas estão fazendo uns barracos de lona para morarem neles, era só o que faltava em Saloá, nós já temos tantos problemas agora teremos acampamentos de sem tetos na nossa cidade. Para qualquer povo que se prese isso é uma vergonha e uma humilhação para aquelas pessoas, e olhe que tem muita criança no meio e mulheres gestantes.
  Desde o começo do ano que a oposição em Saloá vem buscando uma solução para tentar ajudar aquelas pessoas, se por um lados apoiamos que as pessoas saiam das casas para que os verdadeiros donos recebam suas moradias, por outro lado cobramos da prefeitura da nossa terra que buscasse alternativas para AJUDAR, aquelas pessoas, tentativa essa em vão, todo mundo foi omisso no caso, não tiveram coragem de encarar o problema de frente e preferiram virar as costas para fazerem alguma coisa, e o resultado está aí, Saloá agora vai ter acampamento de sem tetos, vão deixar várias famílias morarem em verdadeiros barracos sem a mínima condição de saúde e dignidade humana.
Que me desculpem em quem cair a carapuça, só que as pessoas estão em extrema vulnerabilidade social, e as autoridades sloaenses a quem compete ajudar aquelas pessoas são omissos no caso, tem medo, se escondem. A situação está lá exposta para qualquer um ver, é só ir lá.

  Ontem estive lá olhando a situação, e alguns moradores relataram que representantes da prefeitura disseram que se os mesmos fizessem os barracos iam mandar passar à máquina, e até a polícia foi acionada com o pretexto que a população estava invadindo terrenos naquele local, só que quando a polícia chegou ficou foi com vergonha de ver uma situação de humilhação que o povo está passando.

Alguns moradores perguntaram se nós vereadores poderíamos fazer alguma coisa por eles, só que nós “infelizmente” não somos executivos, o que podemos fazer estamos fazendo (nem todos é claro), estamos cobrando, já fomos ao prefeito, ao promotor, propomos uma ajuda para aquelas pessoas que prontamente foi negada, então agora só resta pedir a DEUS que aos homens de Saloá não adianta.

E ainda dizem que o brasileiro não tem motivos para estarem protestando nas ruas.
Fonte : blog  de WELLINGTON Freitas 

Um comentário:

  1. Parabéns sr.VEREADOR WELLINGTON , agora sabemos que toda esta situação só a uma´pessoa deve ser reclamada o então ex prefeito Gilvan que mandou invadirem as casa. num ato de vandalismo não acha a noite as escondidas antes dele perder onde este povo morava, vcs quer aparecer coloca uma melancia na cabeça.
    ou mais vamos olhar as lista dos beneficiarios que foi indicação do sr. Gilvan né mesmo.

    ResponderExcluir